15 de maio de 2009

Adeus Tranças Cor de Ouro!..


Adeus Tranças Cor de Ouro!..

Adeus tranças cor de ouro,
Adeus peito cor de neve!
Adeus cofre onde estar deve
Escondido o meu tesouro!

Adeus bonina, adeus lírio
Do meu exílio de abrolhos!
Adeus, ó luz dos meus olhos
E meu tão doce martírio!

Adeus meu amor-perfeito,
Adeus tesouro escondido,
E de guardado, perdido
No mais íntimo do peito.

Desfeito sonho dourado,
Nuvem desfeita de incenso
Em quem dormindo só penso,
Em quem só penso acordado!

Visão, sim, mas visão linda,
Sonho meu desvanecido!
Meu paraíso perdido
Que de longe adoro ainda!

Nuvem que ao sopro da aragem
Voou nas asas de prata,
Mas no lago que a retrata
Deixou esculpida a imagem!

Rosa de amor desfolhada
Que n'alma deixou o aroma,
Como o deixa na redoma
Fina essência evaporada!

Gota de orvalho que o vento
Levou do cálix das flores,
Curto abril dos meus amores,
Primavera de um momento!

Adeus Sol, que me alumia
Pelas ondas do oceano
Desta vida, deste engano,
Deste sonho de um só dia!

No mesmo arbusto onde o ninho
Teceu a ave inocente,
Se volta a quadra inclemente,
Acha abrigo o passarinho;

Mas eu nesta soledade
Quando em meus sonhos te estreito
Rosto a rosto, peito a peito,
Acordo e acho a saudade!

Adeus pois morte! adeus vida!
Adeus infortúnio e sorte!
Adeus estrela-do-norte!
Adeus bússola perdida!

João de Deus

4 comentários:

Princesa disse...

Meu bom amigo
peço desculpa por não ter vindo aqui uns dias mas tenho estado doente e sem cabeça para nada nos meus blogs entra tudo programado e pouco tenho vindo a net acredite que não foi por mal ainda não me sinto muito bem foi uma gripe que me deitou abaixo etá deixei de conseguir comer mas isto vai passar, não pense outra coisa pois o considero um bom amigo mesmo sem o conhecer pois o considero uma pessoa de bem.
um beijo e tudo de bom para si

Palma da Mão disse...

Um Adeus...tantos Adeus, tudo o que queria era conseguir dizer Adeus...acreditar nesse Adeus, e seguir em frente...uma escolha brilhante!
Beijinhos e obrigada:)
Liliana

Vieira Calado disse...

João de Deus!

Grande poeta e pedagogo!


Cumprimentos meus

Parapeito disse...

É sempre bom ler João de Deus...pena que nao seja mais divulgado.
Mais uma vez gostei da escolha
Um abraço *