23 de setembro de 2009

Esta Saudade!..


Esta Saudade

"Esta saudade és tu.. . E é toda feita
de ti, dos teus cabelos, dos teus olhos
que permanecem como estrelas vagas:
dois anseios de amor, coagulados.

Esta saudade és tu ... É esse teu jeito
de pomba mansa nos meus braços quieta;
é a tua voz tecida de silêncio
nas palavras de amor que ainda sussurram.

Esta saudade são teus seios brancos;
tuas carícias que ainda estão comigo
deixando insones todos os sentidos.

Esta saudade és tu ... É a tua falta
viva, em meu corpo, na minha alma, viva,
... enquanto eu morro no meu pensamento.

J. G . de Araujo Jorge

7 comentários:

Graça Pereira disse...

Simplesmente...maravilhoso! Um beijo Graça

Palma da Mão disse...

A saudade é mesmo isso...e doi demais...
beijinhos meu amigo

Princesa disse...

Boa noite amigo

Meu tempo agora é sempre curto e passo muito a correr os dias para mim precisavam de mais umas horitas mas com menos calor que voltou em cheio durante o dia e com estas diferenças o caruncho aperta rsrsrs

Hoje bastante tarde, e muito a pressa mas não quis passar sem lhe vir desejar uma boa noite e agradecer o seu carinho de sempre e que muito feliz me deixa.

É necessário abrir os olhos e perceber que
as coisas boas estão dentro de nós,
onde os sentimentos não precisam
de motivos nem os desejos de razão.
O importante é aproveitar o momento
e aprender sua duração, pois a vida
está nos olhos de quem sabe ver.
Tenha amanhã um bom dia
Beijinhos

angela disse...

Tem tanto tempo que não lia um poema dele. Que desperdicio.
Lindo.
Beijos

Helinha disse...

Ai, a saudade é um sentimento, uma sensação... mas provoca uma dor física tão grande, não é??

É a dor pela falta, pela ausência...

É a dor pelo querer... e às vezes fica tão difícil segurar!!

Poema lindo do J. G. de Araújo Jorge, qua você casou com uma imagem perfeita...

Ficou lindo!!

Beijo grande!

^^

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Minha mãe adorava J.G de Araujo Jorge. Parabéns pela escolha, querido amigo. Só sendo um homem cheio de sensibilidade pra entender que palavras doces amolecem um coração. Toda vez que você chega no blog e deixa sua essência sinto seu carinho fazendo festa na nossa casa.

Que Deus te abençoe.

Rebeca

-

neide disse...

E como doi essa saudade...

Lindo poema.

Boa noite. Bjsss