19 de fevereiro de 2011

O País em que vivemos - Incrível

Vara passa à frente de todos em Centro de Saúde.

Ex-ministro socialista apareceu de surpresa, passou à frente de todos os doentes e deu ordens a uma médica para lhe passar um atestado.

Armando Vara provocou esta quinta-feira um escândalo num centro de saúde de Lisboa. O ex-ministro socialista apareceu de surpresa, passou à frente de todos os doentes e deu ordens a uma médica para lhe passar um atestado.

Um dos doentes apresentou uma reclamação. A responsável pelo centro de saúde pede desculpa, mas afirma que a responsabilidade foi toda de Armando Vara, que abusou dos seus direitos.

José Francisco Tavares, de 68 anos, reformado, com seis filhos. Dirigiu-se ao centro de saúde com um ataque de sinusite, como o estado recomenda, para não entupir as urgências hospitalares. Esperou quase uma hora pela consulta. Como os outros doentes, a maioria dos quais reformados sem pensões de reforma que lhes permitam recorrer à medicina privada, José Francisco ficou à espera... mas foi ultrapassado por um milionário, Armando Vara, que passou à frente de toda a gente.

A médica, surpreendida, ainda disse a Armando Vara que o não tinha chamado. Mas ele respondeu que estava cheio de pressa para apanhar um avião. E a médica que lhe passasse o atestado na hora. E conseguiu mesmo o que queria.

Enquanto estávamos em reportagem, a directora do centro de saúde contactou-nos. Aproveitámos para fazer a pergunta: «Gostaria de saber se os amigos do primeiro-ministro, como o dr. Armando Vara, têm direito de preferência nas consultas?» «Não, senhor jornalista Carlos Enes. O senhor Armando Vara entrou aí como qualquer utente e passou à frente de toda a gente. Entrou no gabinete da médica sem avisar e sem que a médica percebesse que não estava na sua vez. Foi uma situação de abuso absolutamente inconfundível», respondeu Manuela Peleteiro.

José Francisco apresentou de imediato uma reclamação no livro amarelo. 24 horas depois, acompanhado pela TVI, foi recebido pela directora dos centros de saúde

O doente abusador, se não perdeu o avião, está no estrangeiro. A TVI tentou contactá-lo através do advogado, sem êxito.

IOL - Diário

7 comentários:

Isa GT disse...

É mais um pequeno exemplo para juntar a muitos outros, feitos pelos que pensam que podem abusar dos seus direitos... e, o pior, nós continuamos a deixar...


Bjos

Amor feito Poesia disse...

Humildade verdadeira resulta em tanto poder
da verdade e silêncio interno que você não
precisa dizer absolutamente nada com as palavras.

(Dadi Janki)


Feliz semana e beijos meus! M@ria

Vinicius,C disse...

Olá!!

Passando para deixer o desejo de um exelente inicio de semana!

Confrontar com o erro cometido, impor o que nãose quer esfregando o bom senso. É como deveria ser!

Nos encontramos no Alma.

Pablo & Florbela disse...

Vou rodando e encontrando
cada palavra no seu lugar
e quem sabe posso rimar
uma prosa que vire poema.

Mando Mago Poeta

Agradeço a visita...Beijos meus! M@ria

O Cidadão abt disse...

Armando-se em senhor dos porcos!

È de um tipo ficar varado de todo!

Vieira Calado disse...

E não houve ninguém que lhe desse

uma varada nas costas?

Um abraço

Aqui - Ali - Acolá disse...

Caro Cidadão abt e Vieira Calado:

Infelizmente é o País que temos onde esta gente continua fazendo pouco de quem trabalha para esta escumalha toda.

Neste caso, este marmelo deveria ser bem castigado por quem de direito deste centro de saúde fazendo com que ele não passasse em branco mas, tudo se consente a gente desta estirpe e por isso este país está no estado em que nós todos sabemos.

Defacto existe gente que precisa ser varada e aqui este é um deles.

Abraço e boa saúde.