27 de novembro de 2010

O Contador de Histórias

O Amigo Farrusco está presente para nos contar uma história.

O 5.º Funcionário

ERA UMA VEZ... 4 Funcionários Públicos chamados:

Toda-a-Gente
Alguém
Qualquer-um
e Ninguém


Havia lá na Repartição um trabalho importante para fazer e, Toda-a-Gente tinha a certeza que Alguém o faria. Qualquer-um podia fazê-lo, mas Ninguém o fez.

Alguém se zangou porque era um trabalho para Toda-a-Gente.
Toda-a-Gente pensou que Qualquer-Um podia tê-lo feito, mas Ninguém constatou que Toda-a-Gente não o faria.

No fim, Toda-a-Gente culpou Alguém, quando Ninguém fez o que Qualquer-Um poderia ter feito.

Foi assim que apareceu o Deixa-Andar, um 5.º funcionário para evitar todos estes problemas.

by e-mail

10 comentários:

Jorge disse...

É assim mesmo! O Deixa-Andar vai meter toda essa gente na linha.
Abr
J

angela disse...

E assim as coisas ficaram bem e sem problemas, ao menos para eles...rs
bom domingo.
beijos

Isa GT disse...

É mesmo o grande problema do país... e até há muitos... no topo.

Bjos

Rosane Marega disse...

Legal!!!
Beijossssssssssss

Amor feito Poesia disse...

Meus êxtases, meus sonhos, meus cansaços...
São os teus braços dentro dos meus braços,
Via Láctea fechando o Infinito.

Florbela Espanca

Dias de amor & Paz...Beijos meus! M@ria

Graça Pereira disse...

Pois é, meu querido, foi por causa desse 5º funcionário que as coisas chegaram ao que estão hoje!
Gostei da história por conter uma certa verdade!
beijocas
Graça

Amor feito Poesia disse...

Abre este livro... E encontrarás então
teu coração, de amor, rindo e cantando,
cantando e rindo com o meu coração...

J.G. de Araújo Jorge

Beijos & Flores........M@ria

Mimo Chic disse...

como vai nosso amigo!!!
bjs
lula & sol

Amor feito Poesia disse...

"Eu te recebo de pés descalços: esta é minha humildade e esta nudez de pés é a minha ousadia."

(Clarice Lispector)

Tem selinho pra voce......Beijos!! M@ria

♫ ♪ Wilson ♫ ♪ disse...

E no final das contas, ninguém é culpado de nada e ninguém tem nada a ver com nada! rs

Abraços, meu amigo!

Deus seja contigo.